ISSN on-line: 2358-288X
Reprodução & Climatério Reprodução & Climatério
Reprod Clim 2012;27:98-103 - Vol. 27 Núm.3 DOI: 10.1016/j.recli.2013.03.002
Artigo de revisão
Aspectos psicológicos de mulheres que sofrem violência sexual
Psychological aspects of women who suffer sexual violence
Flavia Bello Costa de Souzaa,c,, , Jefferson Drezettb,c, Alcina de Cássia Meirellesc, Denise Gimenez Ramosa
a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP), São Paulo, SP, Brasil
b Laboratório de Escrita Científica e Delineamento de Estudos da Faculdade de Medicina do ABC, Santo André, SP, Brasil
c Núcleo de Violência Sexual e Aborto Legal do Hospital Pérola Byington, São Paulo, SP, Brasil
Recebido 12 Fevereiro 2013, Aceitaram 01 Março 2013
Resumo

A violência sexual contra a mulher é um problema de saúde pública que pode acarretar consequências médicas, psicológicas e sociais. As vítimas podem sofrer de transtorno de estresse pós-traumático (TEPT), depressão, ansiedade, transtornos alimentares, distúrbios sexuais e do humor. Outras consequências podem ser maior uso ou abuso de álcool e drogas, problemas de saúde, redução da qualidade de vida, comprometimento da satisfação com a vida, com o corpo, com a atividade sexual e com relacionamentos interpessoais. Existe significativa associação entre violência sexual e sintomas de dissociação, congelamento e hipervigilância. A relação com a própria imagem, a autoestima e as relações afetivas também são afetadas negativamente, o que limita a qualidade de vida. Esses sintomas podem ser duradouros e estender-se por muitos anos na vida dessas mulheres.

Abstract

Sexual violence against women is a public health problem that can result in medical, psychological and social consequences. Victims may suffer from post traumatic Stress Disorder (PTSD), depression, anxiety, eating disorders, sexual disorders and mood. Other consequences may be greater use or abuse of alcohol and drugs, health problems, reduced quality of life, satisfaction with life's commitment, with the body, with sexual activity and interpersonal relationships. There is a significant association between sexual violence and symptoms of dissociation, freezing, and hypervigilance. The relationship with the self-image, self-esteem and emotional relationships are also negatively affected, limiting the quality of life. These symptoms can be long lasting, extending for many years in the lives of these women.

Palavras-chave
Violência sexual, Transtorno de estresse pós-traumático, Transtorno depressivo
Keywords
Sexual violence, Post-traumatic stress disorders, Depressive disorder
Reprod Clim 2012;27:98-103 - Vol. 27 Núm.3 DOI: 10.1016/j.recli.2013.03.002