ISSN on-line: 2358-288X
Reprodução & Climatério Reprodução & Climatério
Reprod Clim 2015;30:83-9 - Vol. 30 Núm.2 DOI: 10.1016/j.recli.2015.09.001
Artigo de revisão
Diagnóstico genético pré‐implantacional e sua aplicação na reprodução humana assistida
Pre‐implantation genetic diagnosis and application in human reproduction
Tainã Naiara Pompeu, , Franciele Bona Verzeletti
Centro de Universitário Autônomo do Brasil (Unibrasil), Curitiba, PR, Brasil
Recebido 17 Julho 2015, Aceitaram 07 Setembro 2015
Resumo
Introdução

A infertilidade causada por fatores genéticos acomete um grande número de casais que buscam tratamento de reprodução humana assistida. O diagnóstico genético pré‐implantacional (PGD) é uma técnica usada durante a reprodução humana assistida que investiga alterações cromossômicas e genéticas em embriões in vitro durante diferentes estágios de seu desenvolvimento e seleciona os embriões livres de alterações genéticas para implantação uterina. Três tipos de biópsia podem ser feitos no PGD: dos glóbulos polares, dos blastômeros e do blastocisto, em ordem cronológica de acordo com o desenvolvimento embrionário.

Objetivo

Analisar a aplicabilidade e a relevância da técnica PGD na rotina laboratorial da reprodução humana assistida e revisar sua metodologia.

Método

Revisão de literatura sobre a técnica e os questionamentos éticos envolvidos com o PGD.

Resultados

Os dados existentes atualmente sugerem que não há efeitos detrimentais sobre os embriões que sofreram biópsia. No Brasil o PGD é visto como uma ferramenta no auxílio da reprodução humana assistida e apresenta questões éticas ainda em discussão.

Conclusões

: O PGD respeita a visão e os valores da sociedade que considera a saúde como um de seus maiores bens.

Abstract
Introduction

Infertility caused by genetic factors affect a large number of couples seeking treatment assisted human reproduction. The preimplantation genetic diagnosis (PGD) is a technique used during assisted human reproduction that investigates chromosomal and genetic abnormalities in vitro embryos during different stages of development and select genetic healf embryos to the uterine implantation. Three types of biopsy may be performed in PGD: biopsy of polar cells, biopsy of blastomere and biopsy of the blastocyst in chronological order according to embryonic development.

Objective

to analyze the applicability and relevance of the PGD technique on human assisted reproduction laboratory routine and review its methodology.

Method

This article provides an overview on the technical and ethical issues involved with PGD.

Results

Many studies suggest that there is currently no detrimental effects on embryos that underwent biopsy. PGD in Brazil is seen as a tool to aid in the assisted human reproduction and presents ethical issues still under discussion.

Conclusions

The PGD respects the vision and values of the society that considers health as one of its greatest assets.

Palavras‐chave
Diagnóstico genético pré‐implantacional, Biópsia, Injeção intracitoplasmática de espermatozoides
Keywords
Preimplantation genetic diagnosis, Biopsy, Intracytoplasmatic sperm injections
Reprod Clim 2015;30:83-9 - Vol. 30 Núm.2 DOI: 10.1016/j.recli.2015.09.001