ISSN on-line: 2358-288X
Reprodução & Climatério Reprodução & Climatério
Reprod Clim 2013;28:112-6 - Vol. 28 Núm.3 DOI: 10.1016/j.recli.2013.12.001
Artigo de revisão
O impacto da criopreservação na qualidade seminal
The impact of the cryopreservation on seminal quality
Vivian Taís Fernandes Ciprianoa,, , Gilberto da Costa Freitasb,c
a Departamento de Genética, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brasil
b Departamento de Obstetrícia e Ginecologia, Faculdade de Medicina, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil
c Serviço de Reprodução Humana, Hospital Pérola Byington, São Paulo, SP, Brasil
Recebido 26 Setembro 2013, Aceitaram 25 Outubro 2013
Resumo
Introdução

as indicações iniciais para o uso da técnica de fertilização in vitro contemplavam boa parte dos diagnósticos de infertilidade feminina. Com o passar do tempo, tornou‐se necessário o desenvolvimento de outras tecnologias que tratassem também os casos de infertilidade masculina. Dentre elas, destaca‐se a criopreservação de gametas. Apesar das vantagens do uso da criopreservação, sabe‐se que alguns processos de congelamento podem afetar o potencial de fertilidade em muitos aspectos.

Objetivo

por meio de uma revisão, verificar o impacto da criopreservação na qualidade do sêmen por meio da observação da taxa de gestação, taxa de aborto e das características seminais (morfologia, motilidade, concentração, fragmentação do DNA) no sêmen congelado e o no fresco, colhidos diretamente do epidídimo.

Método

foi feita uma estratégia de busca nas bases de dados Literatura Latino‐Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (Lilacs), Medical Literature Analysis and Retrieval System Online (Medline) e Biblioteca Cochrane por meio das seguintes palavras‐chaves: sêmen, criopreservation, frozen sêmen, thawed sêmen e sêmen quality. As pesquisas foram feitas tanto nos artigos e nas revisões disponíveis em full text como nos resumos.

Resultados

de maneira geral, o que se observou foi que em alguns casos a criopreservação pode prejudicar a morfologia seminal. Porém, a quantidade de nascimentos e de abortos não varia significativamente quando comparado sêmen fresco com congelado obtidos diretamente do epidídimo.

Conclusões

por prolongar a fertilidade de muitos pacientes e ajudá‐los na realização do sonho da paternidade, na maioria dos casos, a criopreservação é uma boa técnica que deve ser usada quando necessário.

Abstract
Introduction

the initial indications to the use of in vitro fertilization technologie attented almost all the female infertility cases. Over the time, the development of others technologies that could treat the male infertility cases too became necessary. Among the technologies, it can be standed out the gametes cryopreservation. Despite the cryopreservation advantages, it is known that some freezing processes can affect fertility potential in many ways.

Objective

verify the impact of cryopreservation on semen quality by observing the pregnancy rate, abortion rate and seminal characteristics (morphology, motility, concentration and DNA) fragmentation between frozen semen and fresh semen harvested directly from the epididymis, through a review.

Method

for this, it was done a research in the databases Literatura Latino‐Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (Lilacs), Medical Literature Analysis and Retrieval System Online (Medline) and Cochrane using the following keywords semen cryopreservation, frozen semen, thawed semen and semen quality. The surveys were made both in articles and reviews available in full text as in the summaries.

Results

in general, the seminal cryopreservation may damage the morphology of semen. However, the number of births and abortions does not vary significantly when compared frozen semen with fresh semen obtained directly from the epididymis

Conclusions

thus, by extending the fertility of many patients, helping them in achieving the dream of paternity in most cases, cryopreservation is a good technique that can be used when necessary.

Palavras‐chave
Técnicas reprodutivas, Fertilidade, Infertilidade masculina, Criopreservação, Análise de sêmen
Keywords
Reproductive techniques, Fertility, Male infertility, Cryopreservation, Sperm analysis
Reprod Clim 2013;28:112-6 - Vol. 28 Núm.3 DOI: 10.1016/j.recli.2013.12.001